Letras Web
Filii Nigrantium Infernalium

Bordel No Éden

Filii Nigrantium Infernalium

6 acessos

Trepidação - a roda esvai o pano que cai
E fecho os olhos - de sol a sol, a voz
Do fim - trocista, longínqua: grotesca
Trepidação. A roda atrai o fado meu
E morro, morro
Por fim

Contemplação da guilhotina, o cadafalso
E o logos; logo... o nada dá o pó ao pó
Melhor sair de cena
Contemplação - para bem morrer
Mas tarde é
... e sempre é tarde para o caixão...

Eis a roda
Tortura infinda
Capricho eterno - Queda!

Oh, fellatrix... Oh, discordia...

Pantokrator


Top Letras de Filii Nigrantium Infernalium

  1. Herança De Outono
  2. A Era Do Abutre
  3. Moira
  4. Bordel No Éden
  5. Cães De Guerra
  6. Calypso
  7. Morte Geométrica
  8. Azur
  9. Inverno, Trono Inverno
  10. Abadia Do Fogo Negro

Pela Web