Letras Web
Celso Oliveira & Os Guitarreiros

Pra Domar Um Venta Rasgada

Celso Oliveira & Os Guitarreiros

10 acessos

Pra domar um venta rasgada
O quera tem que ser bom
Já cortar uma carne crua
Bem do tipo de mingnom
Ter a vida farquejada com a roseta navalhada
Pra aporriado entrar no tom
Dobradiça de espinhaço
Já talhada pro corcoveo
E trazer a sorte no braço
Pra que o destino prove
Que a sina em ponta de aço
Pode até mandar pro espaço
Sem que tu aprove ou reprove

Eu desmarco a cova em sova
Não tem despois é agora
Deixo o beiçudo tinindo
Na ponta das minhas esporas


Top Letras de Celso Oliveira & Os Guitarreiros

  1. Estraveado
  2. Além da Cancela
  3. Balneário Pinhal
  4. Quando Alço o Pé No Estribo
  5. Pra quem maltrata cavalo
  6. Pra Domar Um Venta Rasgada
  7. Saudade de Um Tropeiro
  8. São Luiz Gonzaga

Pela Web