Letras Web

Canção

Candinho e Inês

9 acessos

Beijo a lua, ganho a rua, tudo isso me seduz.
Varo a noite, viro trevas e amanheço luz.

Num canto, largo canto dos libertos,
Sou cor de luz, sou homem e Deus.

Minha canção me toma como quem me abre as asas
E voa, voa, voa...
E amanheço nas manhãs,
Desabrochando em cada flor,
E todo colorido de jardins.
Cantando em cada passarinho,
Voando em cada liberdade
E acordo cor de música e de luz.

Beijo a lua...

Num verso, manso verso de um regato,
Sou livre pasto, sou farto, sou espaço...

Minha canção me toma como quem me lava o peito
E voa, voa, voa...
Mas, quando volto para mim,
Sou homem como todo mundo.
Que frustração,
Que descontento.
Mas, um dia desse eu tomo a minha decisão:
- Eu saio lá de casa
E caso com a minha canção.

Top Letras de Candinho e Inês

  1. Faróis
  2. Renovação
  3. Beija-Flor
  4. Ave Ventania
  5. Pérolas e Pétalas
  6. Aflição dos Homens
  7. Lavadeira
  8. Solidão
  9. Verde Bandeira
  10. Canção da Manhã