Letras Web
Restart

Poesia

Restart

513 acessos

Falando, besteiras
Segredos de liquidificador
É dela a invenção do meu amor
Eu canto e danço
Do teto eu limpo os trilhos do metro
A pé eu vou de Sampa à Salvador
Eu sou ela, só dela, que sou
Que sou ela, só dela, que sou

Eu só quero amar, não quero dinheiro
Só peço malandragem e um pouco de sossego
Gosto de fruta mordida ao amanhecer
O mundo acordar e a gente dormir
Como o Caetano, Cazuza e Rita Lee
A um desconexo, sexo, um vinho para dividir

Alguma coisa acontece no meu coração
Vou dizer a verdade, matar a solidão
Trocar só sexo, anexo, andar na contramão

Ela é meu caso de amor um pouco rock roll
Um pouco bossa nova, metade do que sou
A musa do poeta, faz parte do meu show

Falando, besteiras
Segredos de liquidificador
É dela a invenção do meu amor
Eu canto e danço
Do teto eu limpo os trilhos do metro


Top Letras de Restart

  1. Matemática
  2. Poesia
  3. Menina Estranha
  4. Recomeçar
  5. Levo Comigo
  6. Pra Você Lembrar
  7. Chica Diferente (tradução)
  8. Minha Estrela
  9. Enter Sandman (tradução)
  10. Lá Em Cima Está o Tiro Liro Liro

Pela Web