Letras Web
Jorge e Mateus

Cai na real

Jorge e Mateus

43 acessos

Me envenena com seus beijos e caricias
Me envenena pra depois vir me dizer
Que esse caso de amor é impossível
Que não me ama e só quer curtir prazer.

Nada mais, nada mais...
Sou apenas um ombro amigo, um amante em sua cama...
Nada mais...
E depois chora, suas palavras desabando num segundo...
Tantas mentiras, solidão é o nosso mundo...
Transas vazias, sem sentido e sem amor.

Cai na real, cai na real...
Daqui a pouco eu visto a roupa e vou embora.
Pra nunca mais te procurar, essa é a hora...
Meu coração já não suporta o mesmo mal. [bis]


Top Letras de Jorge e Mateus

  1. Céu e Mar
  2. A Sorte Me Escolheu
  3. Contrato Vitalício
  4. Propaganda
  5. Trincadin
  6. Coração Calejado
  7. O Mundo É Tão Pequeno
  8. Duas Metades
  9. Anjo da Guarda
  10. Paredes

Pela Web