Letras Web
Chip de Candeeiro

Árvore de Natal

Chip de Candeeiro

12 acessos

Cansei de ver as luzes na árvore de natal, acho que antes eu era feliz
Vivendo em um mundo atormentado, onde os maus olhos tendem a me enxergar
Os anos passaram me restando a melancolia, a chuva veio descolorir o que eu via
Em meio a tormenta adormeci, o que nos alimenta também pode nos matar

As flores murcham independentes de serem belas
O fogo ilumina a noite e o céu continua azul
Ao acordar em um dia frio
Fecho os olhos tentando entender


Minhas frases não te causam repercussão, imperfeitos são os dias sem fim
Imaculados indigentes são seus olhos que não te fazem enxergar
Vivi uma vida que não era minha, me acostumando a viver sem uma vida
E ao inferno eu irei, por um motivo que me faça sonhar


A minha vida ficou a alguns metros atrás
Sumariamente deixei de ser um mortal
Em meio às cores e fantasias
Me liberto de uma prisão


Minha morte anuncia belo dia
Minhas lágrimas simbolizaram tua alegria
Jamais pensei no amanhã
Por que fui vítima de uma conspiração
O que significa o meu olhar pra você
Imagine o mundo sem eu e você


Top Letras de Chip de Candeeiro

  1. Ultimo Olhar
  2. Árvore de Natal
  3. Dias Inúteis
  4. Solidão
  5. Vida
  6. Resistência
  7. Cidade menos um
  8. O que era Parecido

Pela Web