Letras Web
Abutres de Telha

Rock do Poca Cobra

Abutres de Telha

6 acessos

Rock do poca cobra
Luiz Carlos

Alguém bateu na minha porta com força
Estão querendo entrar
Visto a cueca rapidinho e me atiro do terceiro andar
O pai dela não é brincadeira qualquer dia ele vai nos flagrar

Vou eu de novo to engessado to excitado pra traçar meu amor
Na confusão seu sutiã meia taça no meu pescoço enroscou
Quando ela foi se livrar, com um soco o meu canino quebrou

Vai eu de novo to banguelo, to engessado vou traça meu amor
Apaga a luz eu entro estou preso no elevador
Estoura o cabo de aço e é pro fundo do poço q eu vou


To fraturado, to banguelo, to engessado, não quero ver meu amor
Traumatizado, horrorizado, nem o coitado se livrou
A enfermeira olha e chora com pena do dele sobrou


Top Letras de Abutres de Telha

  1. Papo Furado
  2. Mordendo A Fronha
  3. Mulher Inflável
  4. Maria Gasolina
  5. Pra Te Conquistar
  6. Te Quero Tanto
  7. Bolo Na Praça
  8. Duas Geladeiras
  9. Ficar Na Boa
  10. Parei Com Tudo Agora

Pela Web