Letras Web
A Rede

Serena

A Rede

2 acessos

Vem bem serena
Criança noite
Vem
Vem brincar
Que a manhã trouxe uma prenda vem
Me envolver seu manto negro sem luz
Vem ver pra onde é que o pólen vai
Vai de encontro a outras flores vai

Avança noite
Traz fantasia
Vem
Vem deitar
Sua esquina está vazia
Vem
Paixão, vício e poesia ao luar
Noite faz o tempo bom voltar
Enche o copo, a cuca guia o andar

Desperta noite
Não vai é cedo
Já vou é cedo
Te encontro aí
Na esquina, quebrada
No escuro da escada
Nas cinzas, jogada
No chão, madrugada


Top Letras de A Rede

  1. Introdução
  2. Uma Canção
  3. O Castelo
  4. Ciranda
  5. Na Prisão
  6. O Inimigo
  7. A Paz Que Excede
  8. Cair Na Realidade
  9. Flor da Lua
  10. Serena

Pela Web