Sérgio Marques e Marquinhos

Lo-debar Nunca Mais

Sérgio Marques e Marquinhos

Era um simples aleijado, vivendo lá em lo-debar, esperança não havia
Naquele lugar
Quem sabe ali pensando assim: “meu deus, o que será de mim?
Os meus sonhos se perderam, o que vou fazer?”
Mas o que o esperava nem podia imaginar, tudo de um instante pro outro começou mudar
Disse o rei ao seu servo: “desça até lo-debar, e traga aqui mefibosete, a ele vou honrar
Ele é parte da família e eu não quero jamais vê-lo sofrer
Darei o que o pertence e todos os dias comigo na mesa ele vai comer.”
Quem sabe você meu irmão esteja assim, vivendo em lo-debar
O rei não te esqueceu e manda te chamar
E vai tirar você de vez desse embaraço, pra fazer você morar pra sempre no palácio
Você vai comer na mesa com o rei, e vai desfrutar do bom e do melhor
O tempo de tristeza e sofrimento vai ficar pra trás
Em suas veias correm o sangue real, você tem pra deus valor especial
Dentro do palácio você vai viver e poderá dizer: lo-debar nunca mais
Deus traz pra tua vida restituição
O que deus tem pra você é sem comparação em sua mesa nunca irá faltar o pão

Curte essa música? Espalhe nas redes sociais!

Recomendado para você

Curtiu? Deixe seu comentário!