Letras Web
Orishas

Ausencia (tradução)

Orishas

101 acessos

Passo as noites inteiras rezando, implorando a Deus
Que cuide e vele por ti, que esteja contigo quando não estou
Me dá o B (B)
Sem sua voz o destino parece render-se, como vê
Me dá o A (A)
Aos meus ouvidos chegou a notícia triste de que você se foi
Me dá o R (R)
Nos perdoe meu senhor, se não cheguei a tempo de me despedir deste irmão
Me dá o P (P)
Revirando a dúvida, no fim eu não sei que droga aconteceu
Me dá o I (I)
E recordo aquela merda que dizia assim, o que acontece bom, o que, acontece que
Retorna
O "BARPI" nos toca o coração...
Passo as noites inteiras rezando, implorando a Deus
Que cuide e vele por ti, Que esteja contigo quando não estou
(X2)
Cada segundo que passa, cada espaço em que você não está
Tua ausência perfura minha alma, me assassina sem piedade
Eu tento fingir, esquecer mas a realidade não deixa
É uma verdade que me ataca e me deixa a suplicar
(Em francês) Isso passou a alguns anos, mas não passa
Não é fácil de apagar, todos aqueles passeios ao teu lado
Éramos dois moleques travessos, e já havia essa luta
Nós encaramos de frente, mas um com o outro, você sabia que a gente podia contar
A vida nos separou, cada um a sua ocupação, cada um no seu bairro
Era preciso não se perder de vista, nos víamos nas festas de fim de ano
Queria ter te dito essas coisas, te dizer o quanto eu contava com você
Eu só não contava era com o mar agitado
Tragédia para minha mãe entristecida, de choros, de lágrimas
E corações partidos, você me faz falta irmão
Não há um dia em que eu não pense, como isso é forte, eu creio,
Um dia, você e eu, te dizer o quanto eu te amo Lolo
Te apertar forte em meus braços
Passo as noites inteiras rezando, implorando a Deus
Que cuide e vele por ti, Que esteja contigo quando não estou
(X2)
Ave Maria
Cruzes, flores lapidadas retornam
Quando em tristezas chegam do pobre bairro que
Nos viu juntos crescer
Admitir tua morte, me custou muito eu sei
Adeus eu não disse, hoje te mando mais: Um, dois, três,
Um milhão de beijos, peço que me perdoes sem ressentimentos
Com Deus você ia, minha ausência no velório se perambulou feridas que não
Fecham,
Infâncias que perduram
Velhos momentos tristes às vezes não conseguem deixar viver sem dúvida, dúvida
Passo as noites inteiras rezando, implorando a Deus
Que cuide e vele por ti, que esteja contigo quando não estou
(X2)

Letra original

Paso las noches enteras rezando implorandole a Dios
Que cuide y vele por ti que esté contigo cuando no estoy
Dame la B (B)
Sin tu voz el destino parece rendirse como ves
Dame la A (A)
A mis Oidos llegó la noticia triste de que de aquí te nos fuiste men
Dame la R (R)
Perdónanos my lord si no llegué a tiempo de despedirnos de este bro
Dame la P (P)
Recorriendo la duda y al final no se lo que coño fue lo que pasó
Dame la I (I)
Y recuerdo aquello coño que decia asi, que bola bueno que que bola que
vuelta
El BARPI el corazon se nos queda
Paso las noches enteras rezando implorandole a Dios
Que cuide y vele por ti que esté contigo cuando no estoy
(x2)
Cada segundo que pasa, cada espacio en que no estas
Tu ausencia perfora mi alma me asesina sin piedad
Intento pensar pretendo olvidar pero me atrapa la realidad
Una verdad que me ataca y me pone a suplicar
Ca s'est passé ça fait des années, mais ça passe pas
Pas facil d'effacer, toutes celles passées à tes côtés
On était deux gamins, frangin, et déjà ça castagnait
On jouait les durs, mais l'un sur l'autre tu sais qu'on pouvait compter
La vie nous a séparés, chacun son taff, chacun son quartier
Fallait pas se perdre de vue, on s'voyait aux fêtes de fin d'année
J'aurais voulu t'en dire des choses, te dire combien tu comptais
Mais c'était sans compter sur la mer agitée
Tragédie pour ma mère atristée; des pleures, des larmes
Et des coeurs brisés, tu me manques frèro
Pas un jour sans y penser, comment c'est là haut, j'y crois
Un jour toi et moi, te dire combien je t'aime Lolo,
te serrer fort dans mes bras
Paso las noches enteras rezando implorandole a Dios
Que cuide y vele por ti que esté contigo cuando no estoy
(x2 )
Ave María
Cruces flores lápidas retorniaz cuando
en triste llegan del venado barrio que
Juntos nos vio crecer
ADMITI tu muerte trabajo me ha costado lo se
Adios no dije hoy te los mando ma uno dos tres
Un millón de besos pido que me perdones sin brazos
Con dios te ibas mi ausencia en el peloton deambulaba heridas que no
Cierran
Infancias que perduran
Momentos tristes viejos no llegan a veces vivir cuesta duda sin duda
Paso las noches enteras rezando implorandole a Dios
Que cuide y vele por ti que esté contigo cuando no estoy
(x2)


Top Letras de Orishas

  1. El Kilo (tradução)
  2. Reina De La Calle (tradução)
  3. Atrevido (tradução)
  4. 537 Cuba (tradução)
  5. Represent (tradução)
  6. Everyday
  7. Canto Para Elewa y Changó (tradução)
  8. A Lo Cubano
  9. Mistica (tradução)
  10. Ausencia (tradução)

Pela Web