Letras Web
One Slowdance

Nesses Dias

One Slowdance

6 acessos

Vivemos nesses dias disfarçando nosso olhar
Ao cronômetro da vida que está prestes a zerar
Vejo o sol a terra e o mar, nossa vida nosso lar
Os fantasmas nas ruínas da sede de dominar
O que nos custou a construir, o que nos resta pra cuidar.
O que nós vamos dizer quando a próxima geração chegar
Como vamos explicar? O que vamos lhes dizer?
Destruímos o seu mundo então se vira pra viver?

Não haverá mais paz
Não basta ter idéias é preciso funcionar
Sempre que se lembrar
Da própria extinção que ajudou a planejar
Não haverá mais paz
A paz na consciência pra que possa se lembrar
De que você esteve aqui, mas não deixou a sua cama,
Pouco importa o amanhã onde vamos estar.

E aqui estamos nós vitimas dessa coalizão
Dessa sede de poder concentrada em uma só nação
Em suas cabeças infernais, procurando em seus planos banais
Novas formas de dominar nossas reservas naturais.
Quantos mais irão gritar? quantos irão agoniar?
Quantas lágrimas secaram censuradas de chorar?
No dilúvio desse mar de inconsciência desse ser
Que se chama ser humano ou pelo menos deveria ser.....

Assim uma chance surge para adiar o fim
Do que vem pra mim
Vou me proteger, quem sabe assim o tempo passa pra que eu possa ver
Que o que nos resta é o que temos que buscar
Mas então por que tudo o que temos
Insistimos em renegar....

Top Letras de One Slowdance

  1. Balada da canção eterna
  2. Nesses Dias
  3. Fernanda
  4. Teatro das Sombras
  5. Sonho lucido
  6. As Flores Também Morrem Na Primavera

Pela Web