Letras Web

Adele publica carta para fãs no lançamento do álbum “30”

Cantora afirmou que o disco foi o “companheiro durante período turbulento”.

Por Rodrigo Bueno
19/11/2021 às 11:41
publicado em Notícias

Chegou nesta sexta-feira, dia 19, o tão esperado novo álbum da cantora Adele, chamado “30”. Com a chegada do disco de inéditas, a cantora também começou a falar mais sobre como foi todo o processo de criação e de produção do mesmo. De acordo com a inglesa, o processo acabou sendo inicializado há 3 anos atrás.

Adele publica carta para fãs no lançamento do álbum “30”

A criação do disco começou justamente quando a cantora estava enfrentando o começou de uma separação. E foi exatamente este, mais um término de relacionamento amoroso na sua vida, que foi o guia de mais este disco. Para falar mais sobre o assunto, a cantora acabou escrevendo mais uma carta aberta para os seus fãs.

Adele explicou, com suas palavras, que o disco acabou se tornando um grande companheiro nestes momentos muito complicados da sua vida. Além disso, Adele destacou também as amizades muito especiais que ajudaram a impulsionar a sua vida naquele momento.

Confira a carta, traduzida para o português:

Adele publica carta para fãs no lançamento do álbum “30”

“Certamente eu não estava nem perto do lugar que gostaria de estar quando eu comecei este álbum quase três anos atrás. Bem o oposto, na verdade. Eu conto com a rotina e consistência para me sentir segura, sempre contei. E mesmo assim lá estava eu conscientemente – até desejando, jogando-me em um labirinto de absoluta bagunça e turbilhão interior!

Eu aprendi muitas verdades escaldantes sobre mim mesma no percurso. Eu derramei muitas camadas mas também me enrolei em outras novas. Descobri mentalidades genuinamente úteis e completas para seguir e eu sinto que eu encontrei meu sentimento novamente. Eu até diria que eu nunca me senti tão em paz na minha vida.

E então, eu estou pronta para finalmente lançar este álbum.

Ele foi meu companheiro durante o período mais turbulento de minha vida. Quando eu estava compondo-o, era minha amiga que vinha com uma garrafa de vinho e comida para me animar. Minha sábia amiga que sempre dá os melhores conselhos. Sem esquecer aquela que é selvagem e diz ‘É seu retorno de Saturno, querida. F**a-se, você só vive uma vez’. A amiga que fica acordada a noite toda e apenas segura minha mão enquanto eu choro sem parar sem saber o motivo. A amiga que se levanta e faz e me pegava e me levava para algum lugar que eu dizia que não queria ir, mas que apenas queria me tirar de casa para um pouco de vitamina D. Aquela amiga que entrava de fininho e deixava uma revista com uma máscara facial e sais de banho para eu me sentir amada enquanto me lembrava inadvertidamente não apenas em qual mês estávamos mas que também eu deveria ter um pouco de autocuidado.

E então aquela amiga que não importa o que, entrava em contato mesmo quando eu parava de entrar em contato com ela porque eu me tornava tão consumida pela minha própria tristeza. Eu meticulosamente reconstruí minha casa e meu coração desde então e este álbum narra isso.

O lar é onde o coração está.”

Últimas notícias

As mais acessadas


Pela Web