Letras Web
Julinho Gomes

Rumos De Ontem

Julinho Gomes

4 acessos

Novos sentidos sendo
por terras já sem raízes
bem longe do que um dia por mim

Os rumos de ontem
já se tornaram saudosos
caminhos velhos fechados
por um destino de dor

Um dia fui eu quem fiz
estes caminhos que hoje
não existem e sim
suor derramado sem dor
que molha o chão do destino
que ainda fala por mim

Me faz tanta falta
o entusiasmo inocente
de uma criança que foi
o que jamais pude ser

Não quero pensar
se foi andando assim
que tanta coisa se foi
levando a infância de mim


Um dia fui eu quem fiz
estes caminhos que hoje
não existem e sim
suor derramado sem dor
que molha o chão do destino
que ainda fala por mim

Não sei a verdade
lutei um dia na vida
pra viver sem meus receios
o gosto doce do auge

Vencí a mim mesmo
quebrei o fio da vaidade
pra ser o cara sincero
que hoje jura a verdade

Um dia fui eu quem fiz
estes caminhos que hoje
não existem e sim

Suor derramado sem dor
que molha o chão do destino
que ainda fala por mim

Top Letras de Julinho Gomes

  1. Inferno Tem Fim
  2. Não Pude Perceber
  3. Primeiro Violão
  4. Se Foi
  5. No Mato Não Mato
  6. Atalho
  7. A Encomenda
  8. Eu Não
  9. Ponto a Ponto
  10. Vendo O Dia Se Acabar

Pela Web