Letras Web
João Neanderthal

Bêbado

João Neanderthal

12 acessos

Andando no meio da rua,vira latas uivando pra lua
Na minha mente eu vejo você nua
A mi enfeitiçar
Parece que não to direito, com esse amor grudado em meu peito
A garrafa e o meus trejeitos vão denunciar

Que eu to bêbado, completamente embriagado
Muito burathio alucinado
Quero um motivo pra gritara
Bêbado, chamo mulheres de muthiathio
Com sua foto embaixo do braço
Não sei se vou me acostumar
Mas eu preciso te encontrar

Alguém da vizinhança tem dó de mim
Toma minha garrafa pede pra eu subir
Tomar um banho e depois dormir

Mas chego no quarto e começo a chorar
A sua ausência me faz soluçar
A minha pequena onde deve estar

Top Letras de João Neanderthal

  1. Pedra Nos Rins
  2. Bêbado
  3. A Dama da Estrada
  4. Os Mistérios da Mulher de Edivaldo
  5. Prima Maria Auxiliadora
  6. 3016
  7. Diz o Dito Popular
  8. Os Nossos Verdadeiros Ancestrais
  9. Volta Amor
  10. Esses Homens Maravilhosos e Suas Ideias Geniais

Pela Web