Letras Web
Jethro Tull

Cup Of Wonder (tradução)

Jethro Tull

18 acessos

Posso dar minhas desculpas carinhosas pelo atraso?
Mas nós aceitamos seu convite e te trouxemos a flor de Beltane*
Primeiro de maio é o grande dia, cantado ao longo da velha faixa musical
E aqueles que fizeram antigos versos vão ouvir esta canção que os chama de volta
Passe a palavra e passe a dama
E passe o prato a todos que têm fome
E passe o juízo da antiga sabedoria, passe a cálice de Crimson Wonder
E passe o cálice de Crimson Wonder**
Pergunte ao Green Man*** de onde ele veio, pergunte ao cálice que está cheio de sangue
Pergunte às velhas pedras fixas e cinzas que mostram ao sol o caminho para a cama
Questione tudo sobre os modos deles, e aprenda os segredos que eles detêm.
Caminhe pelas linhas da palma da mão da natureza, cruzadas em prata e ouro
Passe a palavra e passe a dama
E passe o prato a todos que têm fome
E passe o juízo da antiga sabedoria, passe a cálice de Crimson Wonder
E passe o cálice de Crimson Wonder
Se junte na tristeza do dezembro negro, minta na bem vinda colheita de milho de agosto
Mexa o cálice que sempre está se enchendo de sangue de tudo aquilo que nasce
Mas primeiro de maio é o grande dia, cantado ao longo da velha faixa musical
E aqueles que fizeram antigos versos vão ouvir esta canção que os chama de volta
Passe a palavra e passe a dama
E passe o prato a todos que têm fome
E passe o juízo da antiga sabedoria, passe a cálice de Crimson Wonder
E passe o cálice de Crimson Wonder
* ritual pagão Celta que marca o fim do inverno e início da primavera, onde as mulheres usam guirlandas de flores na cabeça. Comemorado em primeiro de maio no hemisfério norte.
** espécie de hibisco cujas pétalas são formadas por um vermelho escarlate muito forte.
*** Green Man é um ser mitológico de cujo rosto brotam ramos de árvores que simbolizam a natureza

Letra original

May I make my fond excuses for the late-ness of the hour;
But we accept your invitation, and would bring you Beltane's flower.
For the May Day is the great day, sung along the old straight track.
And those who ancient lines did ley will heed this song that calls them
back.
Pass the word and pass the lady and pass the plate to all who hunger.
And pass the wit of ancient wisdom, pass the Cup of Crimson Wonder.
And pass the Cup of Crimson Wonder.
Ask the Green Man where he comes from, ask the cup that fills with red.
Ask the old grey standing stones who show the sun his way to bed.
Question all as to their ways, and learn the secrets that they hold.
Walk the lines of Nature's palm, crossed with silver and with gold.
Pass the cup and pass the lady and pass the plate to all who hunger.
And pass the wit of ancient wisdom, pass the Cup of Crimson Wonder.
And pass the Cup of Crimson Wonder.
Join in black December's sadness, lie in August's welcome corn.
Stir the cup that's ever filling with the blood of all that's born.
But the May Day is the great day, sung along the old straight track.
And those who ancient lines did ley will heed this song that calls them
back.
Pass the word and pass the lady and pass the plate to all who hunger.
And pass the wit of ancient wisdom, pass the Cup of Crimson Wonder.
And pass the Cup of Crimson Wonder.


Top Letras de Jethro Tull

  1. Aqualung (tradução)
  2. Locomotive Breath (tradução)
  3. Wond'ring Aloud (tradução)
  4. Living In The Past (tradução)
  5. Teacher (tradução)
  6. My God (tradução)
  7. My Sunday Feeling (tradução)
  8. Too Old To Rock 'n' Roll: Too Young To Die (tradução)
  9. Songs From The Wood (tradução)
  10. Fat Man (tradução)

Pela Web