Letras Web
G.R.E.S Unidos de Cosmos

Samba Enredo 2011 - No Reino das Águas Claras de Monteiro Lobato brota o ouro negro do Pré - Sal.Cosmos e o Visconde desvendam a história do petróleo nacional.

G.R.E.S Unidos de Cosmos

13 acessos

Seus derivados são mais de três mil
Óleo de pedra é petróleo sim senhor
Na Mesopotâmia que surgiu
Arma de guerra virou
Monteiro Lobato
Com a sua intervenção
Fez o Brasil avançar
E o ouro negro da terra a jorrar

Na força do interesse
No jogo do poder Bis
Se eliminar a concorrência
O negócio é vencer

O petróleo é nosso
Que se faça a distribuição
Vamos transformar essa riqueza
Em saúde e educação
Quem produz tem que usufruir
Leva essa covardia pra lá
Hoje é carnaval
Deixa a bateria te levar

Vem com a Unidos de Cosmos devendar
A história do Petróleo NacionalBis
Mergulhando no Reino das Águas Claras
Até a descoberta do Pré-Sal


Top Letras de G.R.E.S Unidos de Cosmos

  1. Samba Enredo 2011 - No Reino das Águas Claras de Monteiro Lobato brota o ouro negro do Pré - Sal.Cosmos e o Visconde desvendam a história do petróleo nacional.
  2. Samba Enredo 2010 - De Pé No Chão Também Se Aprende a Ler, Cosmos Conta Essa História
  3. Samba Enredo 2007 - Sou Cosmos 100% Negro, da Abolição Aos Dias Atuais
  4. Samba-Enredo 2017 - Ao Mestre Com Carinho

Pela Web