Letras Web
Graça Costa

Em Seus Braços

Graça Costa

2 acessos

Senhor em seus braços nãocorro perigo
Os meus inimigos não vão me tocar
Mim sinto seguro és o meu abrigo
Com o teu escudo vem me amparar,
Eu não sinto medo quando vem a noite
Não sinto os açoites a mim machucar
Contigo ao meu lado sempre me levanto enxuga o meu pranto
Não vou mais chorar...
Enfrento a tempestade quando se levanta...
E se cair a noiteposso guerrear
Pois eu tenho certeza que meu deus não falha
Com ele em minha frente não perco batalha
Pois o sol tem que parar.
Gigante inimigo pra mim não é nada...
Porque eu vou a ele em nome do senhor,
Com ele uma pedrinha muda uma historia
Faz um crente guerreiro obter() vitoria
Pra fazer do seu povo um grande vencedor.!

Eu não sinto medo quando vem a noite
Não sinto os açoites a mim machucar
Com Deus ao meu lado sempre me levanto
Enxuga o meu pranto, não vou mais chorar...

Enfrento a tempestade quando se levanta...
E se cair a noiteposso guerrear
Pois eu tenho certeza que meu Deus não falha
Com ele em minha frente não perco batalha
Pois o sol tem que parar.
Gigante inimigo pra mim não é nada...
Porque eu vou a ele em nome do senhor,
Com ele uma pedrinha muda uma historia
Faz um crente guerreiro obter() vitoria
Pra fazer do seu povo um grande vencedor.!

Eu não sinto medo quando vem a noite
Não sinto os açoites a mim machucar
Com deus ao meu lado sempre me levanto
Enxuga o meu pranto, não vou mais chorar...

Enfrento a tempestade quando se levanta...
E se cair a noiteposso guerrear
Pois eu tenho certeza que meu deus não falha
Com ele em minha frente não perco batalha
Pois o sol tem que parar.
Gigante inimigo pra mim não é nada...
Porque eu vou a ele em nome do senhor,
Com ele uma pedrinha muda uma historia
Faz um crente guerreiro obter() vitoria
Pra fazer do seu povo um grande vencedor.!


Top Letras de Graça Costa

  1. Em Seus Braços

Pela Web