Letras Web
Gil Martins

Mulher Sofrência

Gil Martins

5 acessos

Mulher sofrência conheço seus ideias
Não são iguais aos que sonhei pra nós dois
Você me fez vender o rancho do sertão
Iludiu meu coração pra me abandonar depois

Deixei pra trás minha turma das cavalgadas,
O forró das vaquejadas, minha sina de vaqueiro
Estou perdido pelas ruas da cidade
E o que foi felicidade é agora o desespero

Mulher sofrência devolva a minha alegria
Pois tudo que eu possuía investi nessa querência
E pare agora de zombar da minha dor
Ainda tenho grande amor por você mulher sofrência!


Top Letras de Gil Martins

  1. Dia de Cavalgada
  2. Belezas do Nordeste
  3. Viver Sem Ter Vida
  4. Mulher Dos Meus Sonhos
  5. Amisterdã
  6. Isso Vale Um Abraço
  7. Trincheiras da Paixão
  8. Pagar Dobrado
  9. Varanda da Saudade
  10. Casa fechada

Pela Web