Letras Web
Dezembro Negro

Vício

Dezembro Negro

5 acessos

Minha única paixão é um vício
Meu único temor é à Deus
Meu único medo é da vida
Meu único inimigo sou eu

Minha perdição foi o início
E onde começou eu não sei
Se tiver saída eu fico
E se essa for a Morte verei

Meu único prazer é um vício
Meu único partido perdi
Minha única derrota amiga
Criei para crer que venci

De minha única crença duvido
Meu único amigo é um cão
Ao único conselho não dei ouvidos
E pedras são as únicas coisas que tenho nas mãos

"Comprem o meu mundo, que eu quero vender
Pra ter de volta o fundo do meu coração
Meu mundo dá voltas mas o seu só diz não"

Não adianta tentar
Não adianta recomeçar


Top Letras de Dezembro Negro

  1. Vídeos
  2. Vício
  3. Futuro
  4. Espelho Quebrado
  5. Houve um Tempo

Pela Web