Letras Web
Cidadãos de Avalone

Pessoas Estranhas

Cidadãos de Avalone

4 acessos

Pessoas pensando que são normais,
Nos olham diferente.
Não da para andar nas ruas,
Depois das onze.
Há vozes como um mar sem vento,
Que enobrece.
Há olhos que nos envenenam,
Por onde andamos

Vem cá meu bem, o mundo está mal, oh yeah!
Vem cá meu bem, não fiques down, oh yeah!

Limpe suas lágrimas agora,
Enquanto reinas.
Quem na verdade é de fato marciano?
Para onde nós fugiremos,
Quando tudo acabar?
Lembre-se do nosso mundo mágico e mecânico!

Vem cá meu bem, o mundo está mal, oh yeah!
Vem cá meu bem, não fiques down, oh yeah!

Tente resistir até o final... tente resistir!


Top Letras de Cidadãos de Avalone

  1. Pessoas Estranhas

Pela Web