Letras Web
As Andorinhas de Cristo

É coisa fina

As Andorinhas de Cristo

227 acessos

Filho tenho ouvido seus gemidos na calada da noite
A tristeza que perturba tua alma, este mal que consome
Mas não temas eu estou aqui
Filho, já não tem uma esperança de vida, é o fim dessa
Jornada, já não sonhas não crê em minhas promessas
Não crê em mais nada, mas eu estou aqui

Posso até parecer estar ausente, mas não trabalho no seu tempo
Meu tempo é diferente, eu provo pra depois te aprovar se prepare
Para receber o que o tenho para te dar

É coisa fina, o que tenho preparado filho pra você não há no universo
Quem possa me impedir quando eu quero fazer é ouro sem mistura o milagre que eu tenho pra realizar a ferrugem não destrói, não destrói
É coisa fina o que eu tenho preparado filho pra você é linho puro é um manto de mistério de gloria e poder volte a sonhar, que eu vou realizar seus inimigos irão ter que contemplar você prosperar

Escrevi com caneta de ouro na sua historia a palavra vitoria

Posso até parecer estar ausente, mas não trabalho no seu tempo
Meu tempo é diferente, eu provo pra depois te aprovar se prepare
Para receber o que o tenho para te dar

É coisa fina, o que tenho preparado filho pra você não há no universo
Quem possa me impedir quando eu quero fazer é ouro sem mistura o milagre que eu tenho pra realizar a ferrugem não destrói, não destrói
É coisa fina o que eu tenho preparado filho pra você é linho puro é um manto de mistério de gloria e poder volte a sonhar
Que eu vou realizar seus inimigos irão ter que contemplar você prosperar
Escrevi com caneta de ouro na sua historia a palavra vitoria! Vitoria


Top Letras de As Andorinhas de Cristo

  1. Lá Vem Jesus
  2. Quando Ele Quer Agir
  3. Levanta e Vai
  4. Digitais do Oleiro
  5. Tempo de Colheita
  6. É coisa fina
  7. Estou de pé
  8. Levante a Cabeça
  9. Face a Face
  10. Deus Forte

Pela Web