Letras Web
A Seita Tudo

O Pernilongo

A Seita Tudo

10 acessos

Era uma noite de madrugada,
Eu ouvia um zum zum zum,
Tava escuro não via nada,
Só ouvia um zum zum zum.

E a gatinha que eu dormia,
Ela estava sem calcinha,
E toda hora reclamava,
Desse tal de zum zum zum.

Tava escuro, não via nada,
Só sentia um cutucão,
Que picadura, que ele tem,
Esse tal de zum zum zum.

Levantei da minha cama,
Acendi a luz do quarto,
Peguei o meu chinelo,
E logo vi um Pernilongo.

Um Pernilongo, de penis longo,
Um Perniloooooonnngo.

Olhei prá ele, ele olhou prá mim,
E o duelo começou,
Primeiro tiro pegou no espelho,
No segundo ele se abaixou.

Ele é ligeiro, Ele é difícil,
Ele causa um suador,
Saí correndo, saí pulando,
Atirando o meu chinelo.

Mas de repente no corre-corre,
Ele não aguentou,
Barriga cheia e estufada,
Ele logo se cansou.

Sentou na cama com a gatinha,
Tiro certeiro ele levou,
E a gatinha suspirou,
E o zum zum zum se acabou.


Top Letras de A Seita Tudo

  1. Amor de Praia
  2. Inglês
  3. O Pernilongo
  4. O Abombado
  5. Colchãozinho de Trepar
  6. Matcho Boy

Pela Web