Letras Web
A Pior Banda do Mundo

Trabalho

A Pior Banda do Mundo

14 acessos

Trabalho, trabalho, trabalho
Todo dia essa labuta
Do suor do meu rosto
Eu sou quem menos desfruta

Trabalho, trabalho, trabalho
Que nem um filho da puta
Pra mim uma migalha
Um filé pra quem nunca foi pra luta

O trabalho enobrece
Disse meu patrão
Com sua amante no iate
Trabalhando de montão
E o líder do sindicato
Faz greve por melhorias
Mas quando é promovido
Pau no cu da maioria

Trabalho, trabalho, trabalho
Todo dia essa labuta
Do suor do meu rosto
Eu sou quem menos desfruta

Trabalho, trabalho, trabalho
Que nem um filho da puta
Pra mim uma migalha
Um filé pra quem nunca foi pra luta

Trabalhando chegou lá
Disse aquela mulher
Trabalhou tanto e chegou lá
Lá na doença de ler
No fim de tanto usar a pá
O joão coveiro acabou torto
Mas ora vejam só
Não tem nem onde cair morto

Trabalho, trabalho, trabalho
Todo dia essa labuta
Do suor do meu rosto
Eu sou quem menos desfruta

Trabalho, trabalho, trabalho
Que nem um filho da puta
Pra mim uma migalha
Um filé pra quem nunca foi pra luta

Olha só que exemplar
Vestiu a camisa da empresa
E ela não vestiu a dele
Nos cortes de despesa
Analisando bem minha vida
Sou uma puta bem vadia...
Permito que me fodam
Em troca de uma mixaria

Trabalho, trabalho, trabalho
Todo dia essa labuta
Do suor do meu rosto
Eu sou quem menos desfruta

Trabalho, trabalho, trabalho
Que nem um filho da puta
Pra mim uma migalha
Um filé pra quem nunca foi pra luta


Top Letras de A Pior Banda do Mundo

  1. Gangorra
  2. Mantenha-me Desinformado
  3. Trabalho
  4. Quero Voltar
  5. Não Vote Em Mim
  6. Cabeça de Bosta
  7. Ela Traiu o Roqueinrou

Pela Web